segunda-feira, 30 de novembro de 2009

DENÚNCIAS DE PROPINA: banho de Arruda e oração de ações de Graças pelo “santo Durval”

30/11/2009 – Não bastasse as denúncias feitas pelo Sr. Durval Barbosa contra Arruda, o Governador do Distrito Federal, que por si só já são vergonhosas, a GLOBO veicula no Jornal Nacional, o trio “da propina” pedindo perdão a Deus pelas “fraquezas” e agradecendo pela vida do Durval Barbosa.
Como já dizia o Boris Casoy “É UMA VERGONHA!”.

Isaías, o profeta do Antigo Testamento, deve estar se contorcendo em sua sepultura. Como estadista que era, e como profeta em pelo menos cinco reinados diferentes, denunciou abertamente as inustiças cometidas em sua época:

Is 5.20-23 Ai dos que ao mal chamam bem, e ao bem mal; que fazem das trevas luz, e da luz trevas; e fazem do amargo doce, e do doce amargo! Ai dos que são sábios a seus próprios olhos, e prudentes diante de si mesmos! Ai dos que são poderosos para beber vinho, e homens de poder para misturar bebida forte; Dos que justificam ao ímpio por suborno, e aos justos negam a justiça!

Também não se pode esquecer o que o disse o profeta Miquéias em 3.11:

Os seus chefes dão as sentenças por suborno, e os seus sacerdotes ensinam por interesse, e os seus profetas adivinham por dinheiro; e ainda se encostam ao SENHOR, dizendo: Não está o SENHOR no meio de nós? Nenhum mal nos sobrevirá.

Os profetas na verdade não estavam falando nada novo. Estavam cobrando a obediência a Lei do Senhor que já dizia:
Ex 23.8 8 Também suborno não tomarás; porque o suborno cega os que têm vista, e perverte as palavras dos justos.

Dt 27.25 Maldito aquele que aceitar suborno para ferir uma pessoa inocente. E todo o povo dirá: Amém.

Nossos púlpitos continuam silenciosos diante disto tudo. O que é vergonhoso.
Quando o Senhor Jesus chorou sobre Jerusalém, ele disse que as pedras clamariam. E as pedras estão clamando.
Jesus chorou sobre Jerusalém!
Jesus chora pelo Brasil:
Lc 19.40, 41 E, respondendo ele, disse-lhes: Digo-vos que, se estes se calarem, as próprias pedras clamarão. E, quando ia chegando, vendo a cidade, chorou sobre ela.

Acorda igreja brasileira!

terça-feira, 17 de novembro de 2009

"EL SHADDAY": DE DEUS TODO-PODEROSO A MARCA DE CUECA

Isso mesmo. Você não leu errado nem está diante de uma “heresia medieval”. É grife gospel.
Custei acreditar no que ví. Ao fazer umas comprinhas lá no centro da cidade pelas bandas das Ruas Paraná e Carijós, naquelas lojinhas de miudezas, encontrei uma nova marca de cueca: El Shadday. A princípio meus olhos não quiseram acreditar.
El Shadday, do heb. = “Deus Todo poderoso”.
Pensei em qual seria a reação de um judeu ortodoxo ou de um evangélico da Reforma. A minha foi de total indignação. O Nome do Senhor é blasfemado entre os gentios por causa de vós, Rm 2.24. Os judeus nunca ousavam em pronunciar o nome de Deus. Levavam a sério o "não tomarás o nome do Senhor em vão" Ex 20.7. Aliás, a Divindade era tratada pelas sua natureza ou atos: Eterno, Justo, Santo, Senhor, Salvador etc. Daí dentre outros tratamentos temos o “El Shadday”. A começar por Gn 17.1, esse nome ocorre mais de 40 vezes no Antigo Testamento.
Fiquei imaginando quem teria tido a “grande” idéia de tornar esse nome Santo em bible fashion symbol. Quem o fez, ou apenas achou o nome bonito ou quis dar um “nome forte” àquela marca de cuecas pra que ela se tornasse um sucesso de vendas.
Queria estar enganado, mas tenho plena certeza de que quem o fez, o fez tendo este último objetivo. Um nome forte, um empreendedorismo “gospel” bem sucedido. Num mundo capitalista e consumista em que vivemos, prolifera cada vez mais nomes comerciais de “cunho bíblico” tais como: padaria Pão da vida, pousada Bom Samaritano, sacolão Ebenézer, drogaria Jeová-Rafá, imobiliária Moradas Eternas, bomboniere Maná, vinícula Sangue da Aliança, cemitério Renascer, e a “criatividade” não pára por aí.
Me lembrei de algum tempo atrás em que estava na biblioteca do Seminário, e aí apareceu uma irmã aflita, porque queria um nome para os produtos cosméticos que ela ia produzir. Precisava de um nome “hebraico que fosse forte”. Ora, isso me cheira uma espécie de "kabala gospel”. Mas infelizmente é o que se passa na cabeça de muitos empreendedores evangélicos.
Espero que em nossos “arraiais” o nome do Senhor e as coisas que lhe concernem estejam em seu devido lugar.
Imagine se Deus agisse hoje, como agia nos dias da Lei: “Se não tiveres cuidado de guardar todas as palavras desta lei, que estão escritas neste livro, para temeres este NOME glorioso e temível, O SENHOR TEU DEUS, Então o SENHOR fará espantosas as tuas pragas, e as pragas de tua descendência, grandes e permanentes pragas, e enfermidades malignas e duradouras” Dt 28.58, 59.
Ainda bem que: As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim, Lm 3.22
SANTIDADE AO NOME DO SENHOR!!!

domingo, 15 de novembro de 2009

ENSINAMENTOS DE MÃE

MÃES DE ANTIGAMENTE

Pra lembrar, e rir. Coisas que nossas mães diziam e faziam... Hoje condenada pelos educadores e psicólogos.

Minha mãe ensinou a VALORIZAR O SORRISO
"ME RESPONDE DE NOVO E EU TE ARREBENTO OS DENTES!"

Minha mãe me ensinou a RETIDÃO...
"EU TE AJEITO NEM QUE SEJA NA PANCADA!"

Minha mãe me ensinou a DAR VALOR AO TRABALHO DOS OUTROS...
"SE VOCÊ E SEU IRMÃO QUEREM SE MATAR, VÃO PRA FORA. ACABEI DE LIMPAR A CASA!"

Minha mãe me ensinou LÓGICA E HIERARQUIA...
"PORQUE EU DIGO QUE É ASSIM! PONTO FINAL! QUEM É QUE MANDA AQUI?"

Minha mãe me ensinou o que é MOTIVAÇÃO...
"CONTINUA CHORANDO QUE EU VOU TE DAR UMA RAZÃO VERDADEIRA PARA VC CHORAR!"

Minha mãe me ensinou a CONTRADIÇÃO...
"FECHA A BOCA E COME!"

Minha Mãe me ensinou sobre ANTECIPAÇÃO...
"ESPERA SÓ ATÉ SEU PAI CHEGAR EM CASA!"

Minha Mãe me ensinou sobre PACIÊNCIA...
"CALMA!... QUANDO CHEGARMOS EM CASA VOCÊ VAI VER SÓ."

Minha Mãe me ensinou a ENFRENTAR OS DESAFIOS...
"OLHE PARA MIM! ME RESPONDA QUANDO EU TE FIZER UMA PERGUNTA!"

Minha Mãe me ensinou sobre RACIOCÍNIO LÓGICO...
"SE VOCÊ CAIR DESSA ÁRVORE VAI QUEBRAR O PESCOÇO E EU VOU TE DAR UMA SURRA!"

Minha Mãe me ensinou MEDICINA...
"PÁRA DE FICAR VESGO MENINO! PODE BATER UM VENTO E VOCÊ VAI FICAR ASSIM PARA SEMPRE."

Minha Mãe me ensinou sobre o REINO ANIMAL...
"SE VOCÊ NÃO COMER ESSAS VERDURAS, OS BICHOS DA SUA BARRIGA VÃO COMER VOCÊ!"

Minha Mãe me ensinou sobre GENÉTICA...
"VOCÊ É IGUALZINHO AO SEU PAI!"

Minha Mãe me ensinou sobre minhas RAÍZES...
"TÁ PENSANDO QUE NASCEU DE FAMÍLIA RICA É?"

Minha Mãe me ensinou sobre a SABEDORIA DE IDADE...
"QUANDO VOCÊ TIVER A MINHA IDADE, VOCÊ VAI ENTENDER."

Minha Mãe me ensinou sobre JUSTIÇA...
"UM DIA VOCÊ TERÁ SEUS FILHOS, E EU ESPERO QUE ELES FAÇAM PRÁ VOCÊ O MESMO QUE VOCÊ FAZ PRA MIM! AÍ VOCÊ VAI VER O QUE É BOM!"

Minha mãe me ensinou RELIGIÃO....
"MELHOR ORAR PARA ESSA MANCHA SAIR DO TAPETE!"

Minha mãe me ensinou o BEIJO DE ESQUIMÓ...
" SE RABISCAR DE NOVO, EU ESFREGO SEU NARIZ NA PAREDE!"

Minha mãe me ensinou CONTORCIONISMO...
"OLHA SÓ ESSA ORELHA! QUE NOJO!"

Minha mãe me ensinou DETERMINAÇÃO...
"VAI FICAR AÍ SENTADO ATÉ COMER TODA COMIDA!"

Minha mãe me ensinou habilidades como VENTRÍLOGO...
"NÃO RESMUNGUE! CALA ESSA BOCA E ME DIGA POR QUE É QUE VOCÊ FEZ ISSO?"

Minha mãe me ensinou a SER OBJETIVO...
"EU TE AJEITO NUMA PANCADA SÓ!"

Minha mãe me ensinou a ESCUTAR...
" SE VOCÊ NÃO ABAIXAR O VOLUME, EU VOU AÍ E QUEBRO ESSE RÁDIO!"

Minha mãe me ensinou a TER GOSTO PELOS ESTUDOS...
"SE EU FOR AÍ E VOCÊ NÃO TIVER TERMINADO ESSA LIÇÃO, VOCÊ JÁ SABE!..."

Minha mãe me ajudou na COORDENAÇÃO MOTORA...
"JUNTA AGORA ESSES BRINQUEDOS!! PEGA UM POR UM!!"

Minha mãe me ensinou os NÚMEROS...
"VOU CONTAR ATÉ DEZ. SE ESSE VASO NÃO APARECER VOCÊ LEVA UMA SURRA!"

Brigadão Mãe!!! rs....rs......

Érica Vaz
A TRIBUNA, ES, Vitória, Segunda-feira 26 de Outubro de 2009.

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

OS PREJUÍZOS DO "APAGÃO" NO REINO DE DEUS

Na última terça-feira (09/11/2009) por volta das 22:15, quando voltava pra casa fui surpreendido pelas lâmpadas de alguns postes que se apagaram subitamente. Em um primeiro momento achei que era apenas algumas lâmpadas que se queimaram. Não havia me dado conta de que na verdade estava acontecendo um verdadeiro “apagão”.

Ainda estava pensando na aula que acabara de dar sobre tópicos em teologia contemporânea e pós-moderna.

Quando cheguei em casa e liguei a TV, praticamente todos os noticiários estavam falando do apagão que se dera em 18 estados brasileiros e em quase 90% do Paraguai. Os noticiários nem tinham ainda informações precisas das causas do apagão, quando um comentarista já estava falando dos “prejuízos” causados pelo apagão. Nos dias que se seguiram os noticiários tinham sempre em pauta como tema principal o “apagão”. Noticiava-se que o ocorrido redundava não apenas em prejuízos econômicos, mas também em uma disputa política. Assim o Governo petista teve que se explicar à oposição, e foi tema de discussõe dos Senado e Congresso nacional.
Afinal de contas no ocorrido apagão não faltou energia mas problemas nas redes de transmissões.


AÍ PENSEI COMIGO, SERÁ TAMBÉM QUE NÃO NOS DAMOS CONTA DE QUE TAMBÉM HAJA UM “APAGÃO” NO MEIO EVANGÉLICO?

O Senhor Jesus disse: “EU SOU A LUZ DO MUNDO” Mt 4.16, em outro momento também disse: “VÓS SOIS A LUZ DO MUNDO” Mt 5.14. E a narrativa bíblica continua:

Em Mt 5.14-16, o Senhor Jesus nos adverte: Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa. Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus.

Em Mt 6.23 Ele continuou dizendo: Se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas!

Em Jo 3.17-21 temos: Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más. Porque todo aquele que faz o mal odeia a luz, e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas. Mas quem pratica a verdade vem para a luz, a fim de que as suas obras sejam manifestas, porque são feitas em Deus.

Na verdade Jesus continua sendo a LUZ DO MUNDO, mas a impressão que tenho é a de que nós como igreja às vezes não conseguimos TRANSMITIR AO MUNDO a luz de Cristo. E qual seria o prejuízo disso para o Reino de Deus? Será que teríamos como “medir”, “calcular ou dimensionar” os efeitos do “APAGÃO DA IGREJA”?

Pela manhã quando pequei o ônibus para ir para o trabalho lí no “Jornal do Ônibus” uma propaganda sobre a “Marcha para Jesus” que se dará no próximo dia 14/11. Refletí por alguns momentos, se há algum resultado duradouro um evento como esse. Um bando de gente que se diz evangélica que se aglomera pelas ruas da cidade, cada qual seguindo seus líderes, suas convicções doutrinárias e escondidas atrás de uma "identidade denominacional". Isso significa ser luz para o mundo?

Por incrível que pareça, durante o expediente de trabalho tive que pegar um outro ônibus e quando olhei o jornal no “mural” ainda era uma edição antiga e que propagava a “Parada Gay/2009”. Assim passei a pensar que relação poderia haver entre esses dois eventos à não ser o cunho político por trás de tais manifestações.

É surpreendente, mas nesse exato momento quando escrevo estas linhas (11/11/2009) o “Jornal Nacional” acabou de veicular algumas notícias sobre o “apagão de energia” e uma das notícias foi sobre a Promotoria americana que aceitou da Promotoria do Estado São Paulo, denúncia contra a IGREJA UNIVERSAL DO REINO DE DEUS e contra o BISPO EDIR MACEDO e mais 9 aliados que de acordo com o promotor americano Adam Kauffman, eles poderão ser indiciados por estelionato, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.

O noticiário (rádio, TV e dos jornais) conclui que somente o tempo será capaz de revelar exatamente o que levou ao apagão, e a dimensão do prejuízo causado. E eu fico a pensar comigo mesmo, só o tempo será capaz de mostrar os prejuízos advindos da não transmissão da luz de Cristo à contento, da nossa parte.

Seria isto (a não transmissão adequada da luz de Cristo) fruto da pós-modernidade (relembro a aula que havia dado) ou fruto de uma ação maligna no mundo (como diriam os teólogos pré-reformistas) ?.
SOLA CHRISTUS!!!
SOLA LUX!!!
FIAT LUX ECLESIAE!!!